domingo, 7 de outubro de 2012

Certeza




Quando a nostalgia invade
Apreendo o sonho
Entre o espaço que vai da saudade
Por entre a esperança
Nunca é tarde nem cedo
Transportas a proporção exacta
Entre a minha firmeza e a tua vontade




Ai de mim...

Deixa que adormeça na terra árida. Que o tojo seja o cobertor dos dias frios. A aurora seja o sinal que a alma aguarda. E o vento o ...