domingo, 12 de junho de 2011

Julgamento

Tão fácil
Uma facilidade estampada na mente
Julgar é tão fácil
Julgar os outros por aquilo que somos
Julgar deixa quem julga contente
Tudo podia ser tão diferente
Se os julgamentos não fossem hábeis
Sobrevivências, que nos fazem condescendentes

Para com a nossa consciência.

Ser poeta é utopia...

Não sei, nem sequer sei a cor dos dias frios!   Se o céu é azul ou cinzento afogueado.    Nada sei de  efémeras  fantasias.  Delírio...