terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Violência doméstica, há que denunciar sem medo ou vergonha.

Nos últimos dias muito se tem ouvido falar de violência domestica na comunicação social, mas há um pequeníssimo pormenor que me incomoda e certamente a alguns de vós, o facto de a campanha de sensibilização focar somente a violência sobre as mulheres, quando é mais que sabido que actualmente há centenas senão mesmo milhares de homens que sofrem as consequências desse mesmo flagelo, principalmente homens da dita terceira idade. Não seria mais correto por parte dos promotores da campanha colocarem homens e mulheres em pé de igualdade no que toca a violência domestica. Porque violência não é só física a psicológica por vezes tem danos irreversíveis, anula a existência, tira a auto-estima e isola a vitima do resto do mundo.
http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=669424

Os sonhos chegam nas trindades…

Em qualquer canto ouço a voz dos dias!... Traz ao de cima as fantasias. Mas qualquer canto ensurdece o vento. Mesmo que o intento po...