quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Cíume


Corre nas veias
Sangue cruel
Mistura agridoce
Um misto de fel
É como se fosse
Lagoa sem águas

Ser poeta é utopia...

Não sei, nem sequer sei a cor dos dias frios!   Se o céu é azul ou cinzento afogueado.    Nada sei de  efémeras  fantasias.  Delírio...