quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Dizem é política...

Olho em redor e vejo alheamento!
Os olhares são vagos, olheiras fundas,
os ombros, pesam toneladas.
Até os sorrisos estão tão gastos!
Olho em redor e o meu país definha.
Num Setembro macambúzio.

Na TV tudo entretém!
Enquanto uns tantos mentem,
utopicamente, mas mentem.
Dizem, é política!

Num festival de entretenga e de mentira,
reina uma inercia passiva!
Olho em redor… é a circunstância destrutiva:
enquanto nos olhares desabitados,
todos os sonhos hibernam!
Foto: via Google.



Ai de mim...

Deixa que adormeça na terra árida. Que o tojo seja o cobertor dos dias frios. A aurora seja o sinal que a alma aguarda. E o vento o ...